quinta-feira, 5 de junho de 2014

Arroz Carolino


O Arroz Carolino é um grão encontrado em portugal proveniente dos estuários dos rios Sado, Tejo e Mondego. Portugal é auto-suficiente na produção do arroz tipo Carolino.
Servido com carnes, peixes, feijão, ou pimentão e também como sobremesa.
É um cereal originário da Ásia e da África. O arroz, Oryza sativa, encontrado na Ásia e o Oryza glaberrima originário de terras africanas, foi introduzido na Península Ibérica pelos Mouros nos séculos VII e VIII.
As referências escritas sobre o cereal começam a aparecer no reinado de D. Dinis (1261-1325) com o cognome de "O Lavrador".
O cozimento do Arroz Carolino geralmente é feito como o macarrão (você coloca o arroz na água ou caldo fervendo). E para servir ele fica úmido. A sensação na boca é de cremosidade e de umidade, diferente da textura do risoto, mas muito bom.
O arroz doce preparado com esse arroz e casca de laranja é muito bom...


Arroz de Polvo Casa com Dona Maria


Em abril fizemos na confraria um prato delicioso: o Arroz de Polvo. Um prato típico de Portugal,  muito gostoso e fácil de fazer. A única coisa diferente que usamos para esse prato foi o Arroz Carolino, um arroz típico de Portugal e muito especial.


Arroz de Polvo

Ingredientes:
200g de Polvo (Principalmente os tentáculos)
30ml de Azeite
50g de Cebola em rodelas finas
10g de Alho Brunoise
50ml Vinho tinto seco
550ml de Caldo
1/2 maço de Coentro picado
Sal e pimenta do reino à gosto

Caldo
800ml de Água
1 Cebola em cubos
1 Cenoura em cubos
1 Talo de Salsão em cubos

Modo de Preparo:
1. Cozinhar o polvo na panela de pressão com a água, a cebola, a cenoura e o salsão.
2. Refogar a cebola e o alho no azeite.
3. Colocar o caldo de polvo e o vinho na panela, levar para começar a ferver.
4. Colocar o arroz e deixar cozinhar, quando estiver macio (mais ou menos 30 minutos), colocar o polvo. Corrigir o sal.
5. Desligar, colocar o coentro e servir.

Veja a harmonização AQUI

Dona Maria Reserva Casa com Arroz de Polvo


Na confraria fizemos um Arroz de Polvo e harmonizamos com o Dona Maria. Apesar de ser um vinho bem encorpado, harmonizou com o Arroz Carolino.
Vinho: Dona Maria Reserva
Prato: Arroz de Povo (Veja a Receita)
         Castas: Alicante Bouschet (50%), Petit Verdot e Syrah

         Safra: 2008
Vinícola: Júlio Bastos / Dona Maria Vinhos / Quinta do Carmo
Álcool: 14°
País: Portugal (Alentejo - Estremoz)

Análise do vinho:

Vinho tinto, cor rubi intenso, brilhante.
No nariz possui muitas frutas negras, especiarias e um toque mentolado. Possui uma ótima acidez, taninos equilibrados e elegantes, vinho encorpado e persistente, com muita elegância.
O site da vinícola é: Dona Maria
Harmonização
Apesar de o vinho ser encorpado ele combina bem com o prato, pois é um prato bem encorpado por conta do Arroz Carolino. A fruta e as especiarias do vinho harmonizaram bem com o tempero do prato. A acidez do vinho e do prato se equilibraram bem. Como o tanino do vinho é bem equilibrado e integrado ao vinho, ele não incomodou na harmonização. A única coisa que não combinou muito bem foi a madeira do vinho, mas como ela é bem discreta, não chegou a prejudicar a harmonização. Foi uma harmonização bem complexa e agradável. Mas com uma carne seria uma harmonização perfeita.
Experimentem, me contem...

CASA COM VINHO